Voto Nulo

No campo de batalha
As mentiras possuem verdades de ferro
E as camisas de força estão atadas aos libertários
Helicópteros que sobrevoam em intensidade
As condições e incisões desiguais
Da cidade que suga o capitalismo com um consumo
Que foge ao seu próprio plano estratégico
E o sucesso, e o fracasso, e a mordaça
É a proposição mais fértil da coragem rebelde
Daqueles que resistem por toda a cidade
Mas não confiam plenamente nas promessas
De liberdade de expressão disseminadas
Por uma armada democrática pós-ditadura
E o Estado consegue exibir intenções de paz e liberdade
Por trás de contas em paraísos fiscais de agressões
Subornos, extorsões, truculências e censuras
E o país emite promessas - que jamais farão cessar a fome
Mas que renderão votos dos famintos
Nas eleições dos crápulas e verdugos (imóveis - pierrôs que constrangem em carnaval de música monossilábica) malditos
Na assunção dos cafetões que prostituem
O trabalho do trabalho brasileiro

by Bernardo Almeida

Comments (2)

Rich flow of thought with captivating images. Lovely and very romantic. Thanks for sharing.
my breath quickens as I breathe in the sensual aroma of your naked skin I want you because you have trapped me with your purple seduction Wow poet, what a beautiful poetic aroma you spread through these words.A sensational perfection and a lovely crafting. Thanks for the sharing. 10+++++ for it. Subhas